Notícias
Voltar
Menina de ouro
O craque da casa era o menino, mas Isabela surgiu e mudou tudo

O esporte é realmente contagioso, e podemos dizer também que é uma “herança” que é passada dos pais para os filhos. Na PlayFC Copa da Amizade, em um dos times femininos que disputaram a fase final e campeão, um caso de uma família de esportistas chamou a atenção. Os pais, Givanildo e Sandra, nunca foram atletas profissionais, mas sempre gostaram de praticar esportes. O tio Diego, foi jogador de São Paulo e Corinthians. E a paixão foi passada para os filhos, desde que ambos nasceram.

Isabela, muito mais nova que o irmão Giovanni, acompanhou sempre o movimento da família atrás do menino que queria seguir carreira no futebol. Além disso, entre um jogo e outro, os dois brincavam muito de jogar, Isabela recebia alguns conselhos e com isso a pequena também foi tomando gosto pelo futebol. Foi crescendo e sempre correndo atrás da bola, seguindo os passos do irmão.

Giovanni foi aprovado em um teste no Juventus, passando a atuar pelo clube da Mooca, e assim como já acontecia dentro de casa, Isa, anos depois, também passou a jogar lá. Não só o gosto pelo futebol, mas uma das coisas que movia a irmã mais nova era a possibilidade de mostrar não só aos pais, mas a todos que conhecessem a história da família, de que ela podia também, que ela também tinha talento. E assim passou a jogar mais e mais.

Chegou ao Centro Olímpico em março de 2016, e assim que começou a participar da rotina do clube, mostrou que tinha muito talento. “Ela nos procurou pelo fato de ser uma escola onde só jogam meninas, e passou pelo processo natural que todas jogadoras novas passam. Ficou no banco e foi entrando devargazinho, alguns jogos, por algum tempo. Mas marcou gols em todos os jogos em que entrou e aí virou titular. Pelo porte, por ser canhota e pelo estilo de jogo, a chamamos de Martinha. É realmente uma atleta diferenciada”, atesta Douglas, professor do Centro Olímpico.

Assim como o irmão, que hoje é destaque no Juventus, com gente graúda de olho no futebol do menino, Isabela também é destaque do time do Centro Olímpico. A família agora, precisa se desdobrar para acompanhar as duas estrelas de casa. O avô é quem leva Isa aos treinos no CO nos dias da semana, e nos finais de semana de jogos, o pai acompanha o irmão, enquanto a mãe vai com a menina.

Isabella será uma das estrelas da Danone Copa das Nações, que acontecerá em setembro, em Nova York. Terá a oportunidade de representar o Brasil, junto com suas colegas de Centro Olímpico, na categoria estreante da Copa. É, parece que a menina conseguiu mostrar pra todo mundo seu valor. Quem tinha olhos apenas para o craque da família, agora pode se surpreender com outra estrela em casa.  

PlayFC Copa da Amizade, 100% família

Fred Paredes, redação PlayFC







© 2021 PLAY ENTRETENIMENTO FUTEBOL CLUBE - Todos os direitos reservados.