CLUBES
Voltar
Juventus
(La Vecchia Signora)
Fundação: 01/11/1897

A Juventus saiu do banco para se transformar em um dos maiores clubes de todos os tempos. E isso não é força de expressão. O clube foi criado por um grupo de amigos que se reunia em um banco na rua Corso Umberto Re, uma das mais famosas  do centro de Turim. Naquele banco, eles compartilhavam a paixão pelo futebol, esporte recém trazido da Inglaterra e que encantava os garotos. Foi ali que eles decidiram fundar, no dia 1 de novembro de 1897, um novo clube de nome Juventus, que em latim significa “juventude”.

O crescimento do clube foi rápido. Em 1900, o time já estava disputando o campeonato nacional e, apenas cinco anos depois, já faturava seu primeiro título. Pouco depois, o então presidente Alfredo Dick abandonou o clube e levou alguns jogadores para formar o Torino. Foi assim que surgiu a grande rivalidade que ainda existe entre os dois.

Com a saída de Dick, a Juve passou por anos difíceis e só conseguiu se reerguer após a Primeira Guerra Mundial (1914-1918). O time voltou a ter jogadores na seleção italiana e quem assumiu a presidência foi Edoardo Agnelli, filho do fundador da FIAT. Em 1925/26 viriam o segundo título italiano e a porta de entrada para a década de 1930, uma das mais vencedoras do clube. Entre 1930 e 35, a Juventus papou nada mais nada menos do que cinco scudettos.

Mais uma guerra, mais algumas perdas, como a do seu presidente em um desastre de avião, e a volta por cima com os títulos de 1950 e 52. Depois desses vieram mais scudettos, mais decisões, mais títulos europeus ― e assim é a Juventus até hoje, capaz de se reinventar a cada derrota e de voltar sempre como campeã e com grandes jogadores. Quem não se lembra de Bettega, Zidane, Del Piero, Zoof, Laudrup, Sívori, Platini, Boniek e o eterno Buffon, lendas que deram ainda mais brilho ao time de Turim?

Juventus Stadium
Por Roberto Pezzali - CC BY-SA 2.0 it, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=16639964

Ao contrário da maioria dos clubes, saudosos de seus estádios antigos, a Juventus aumentou o número de torcedores que acompanha o time depois que o Juventus Stadium ficou pronto, em setembro de 2011. O Delle Alpi, estádio comprado pelo clube em 2003, tinha uma pista de atletismo que deixava o time muito longe dos torcedores (e a média de público lá embaixo).

Em 2009, as obras da nova casa começaram, e pouco mais de dois anos depois, lá estava o palco da Juventus, o único clube italiano a possuir seu próprio estádio. Com capacidade para 41 mil espectadores, o local tem um museu ― onde estão estampadas as glórias do time mais popular da Itália ―, um shopping center e um amplo estacionamento. E mais importante do que qualquer outra coisa: o time quase não perdeu no novo gramado.





© 2018 PLAY ENTRETENIMENTO FUTEBOL CLUBE - Todos os direitos reservados.