CLUBES
Voltar
Barcelona
(Barça)
Fundação: 29/11/1899
Més que un club

A história do Barcelona começa em 22 de outubro de 1899. Naquele dia, Joan Gamper juntou um grupo de jovens suíços, ingleses e catalães, todos encantados com futebol, e fundou o Foot-Ball Club Barcelona. A mistura das nacionalidades unidas por Gamper fez com que o Barcelona tivesse sempre uma identidade multicultural, sem perder sua forte raiz catalã ― o time é um dos principais símbolos do orgulho catalão.

Gamper não foi importante apenas para a fundação do clube. Ele foi o presidente do novo time por 25 anos, sempre com administrações baseadas em seu amor pelo Barcelona. Em 1902, com apenas três anos de vida, o Barça faturou seu primeiro título: a Copa Macaya. No mesmo ano, disputaria ainda sua primeira final de Copa do Rei, sendo derrotado pelo Bizcaya por 2 a 1.

Os anos seguintes foram difíceis para o clube, e a pior fase aconteceu pouco antes do início da Guerra Civil Espanhola (1936-39). Em 1930, Gamper se suicidou. Em seguida, o número de sócios do clube caiu assombrosamente, alguns jogadores tiveram seus contratos rescindidos e, por último, em um ato dos nacionalistas, o presidente do Barcelona Josep Sunyol acabou assassinado.

Mas não há mal que sempre dure, e o Barça conseguiu sair dessa com força para dar a volta por cima. Ainda passou por dias difíceis após a guerra, mas aos poucos foi se fortalecendo novamente. Ganhou mais títulos, trouxe jogadores que viraram símbolos como Kubala, Evaristo, Luisito Suárez, Czibor e Kocsis, viu o Real Madri virar seu maior rival e, mesmo assim, continuou no topo. Por isso, o lema “Més que um Club” se encaixa muito bem aos barcelonistas!

 

Camp Nou
Por: Mutari - Trabalho própio, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=2788141

Desde sua fundação, o Barcelona teve três estádios. Entre 1909 e 1922, jogou no Camp Del Carrer Industria, também conhecido como La Escopidora, com capacidade para apenas seis mil torcedores. Em seguida, rumou para o Camp de Les Corts. Lá ficou até o final da década de 1950. Segundo algumas fontes, uma das últimas partidas que o campo recebeu foi a derrota para o Vasco da Gama por 7 a 2. Anos depois, o estádio acabaria sendo demolido.

A terceira casa do Barça foi o Estadi Del Fútbol Club Barcelona, popularmente conhecido como Camp Nou (do catalão “Campo Novo”). Projetado pelo arquiteto Francesc Mitjans, principal responsável pela renovação da arquitetura catalã a partir da década de 1950, o estádio é outro motivo de orgulho catalão.  

Um dos maiores estádios do mundo, o Camp Nou tem capacidade para quase 100 mil pessoas e ainda abriga um complexo esportivo com a sede administrativa do clube, o museu do Barça, um ginásio e campos e dormitórios para as divisões de base.





© 2018 PLAY ENTRETENIMENTO FUTEBOL CLUBE - Todos os direitos reservados.