CLUBES
Voltar
Chapecoense
(Maior verdão do Brasil, Chape, Verdão do Oeste)
Fundação: 10/05/1973
Uma razão, nossa paixão!

Até a década de 1970, a região de Chapecó (RS), não tinha futebol profissional. Havia somente alguns campeonatos amadores e até mesmo os times que participavam desses torneios não eram muitos. Com o intuito de profissionalizar o futebol na cidade, alguns jovens esportistas se uniram para fundar um time.

Os principais integrantes das primeiras reuniões eram representantes dos dois times amadores de Chapecó: Independente e Atlético Chapecó. Foi da união e da vontade dos representantes dessas duas equipes que surgiu a Associação Chapecoense de Futebol, no dia 10 de maio de 1973.

O primeiro jogo profissional da equipe foi contra o São José de Porto Alegre, que o recém-formado time venceu por 1 a 0. Não demorou para as pedreiras aparecerem pelo caminho, e o jogo contra o Avaí, em Florianópolis, foi um bom teste. Empate em 2 a 2 e muita festa na volta para casa.

Com um time bom e o apoio da torcida (a população de Chapecó esteve ao lado do clube desde o início de sua trajetória), o primeiro título catarinense não demoraria a ser conquistado. Em 1977, o clube venceu seu primeiro Campeonato Catarinense. Além deste, são mais três taças levantadas: 1996, 2007 e 2011.

O maior verdão do Brasil, uma das alcunhas do clube, teve em 2013 um ano de glória. Ganhou destaque nacional ao subir ininterruptamente da série D à série A do Brasileirão, que seria disputada no ano seguinte. Também conseguiu o acesso à Copa do Brasil mais uma vez e ganharia destaque internacional. Com a boa campanha nos campeonatos que disputou em 2014, a Chapecoense conseguiu se qualificar para a Copa Sul-Americana.

Enfrentou e venceu Ponte Preta e Libertad. Após o time paraguaio, foi derrotada pelo River Plate, mas deixou a torcida feliz da vida pelo crescimento, pelo reconhecimento e por colocar Chapecó no mapa internacional do futebol.

palco
Portal www.chapeco.sc.gov.br

O estádio onde a Chapecoense manda seus jogos chama-se Arena Condá, e é de propriedade do município de Chapecó. O nome do estádio homenageia um importante líder indígena Kaingang, o cacique Vitorino Condá. Em meados do século 19, Condá lutou para que seu povo tivesse direito à terra.

O estádio foi inaugurado no dia 24 de janeiro de 1976 e testemunhou os principais títulos da Chape, como seus quatro campeonatos catarinenses.

Em 2007, teve início o projeto que transformou o estádio em um moderno complexo esportivo. Com capacidade para mais de 22 mil pessoas, o campo tornou-se bastante difícil para os adversários. Seu novo sistema acústico faz a pressão que vem das arquibancadas ― e que já é grande ― parecer duas vezes maior.





© 2018 PLAY ENTRETENIMENTO FUTEBOL CLUBE - Todos os direitos reservados.