CLUBES
Voltar
Gent
(Os Búfalos)
Fundação: 10/10/1900

Fundado em 1864, com o nome La Gantoise, o Gent é o clube mais antigo da Bélgica. No início de sua trajetória, o atletismo e o hóquei de campo eram os principais esportes praticados no clube. O futebol chegaria um pouco depois, impulsionado pela rivalidade com outro clube, na primeira década do século 20.

Com o crescimento da prática do esporte bretão na Bélgica, vários clubes pequenos surgiram, transformando-se em um só: o Racing Club Gantois. Foi para fazer frente à nova agremiação que um grupo de jovens do então La Gantoise propôs aos dirigentes do clube a criação de um departamento que cuidasse de futebol.

O registro como time de futebol do La Gantoise foi feito em 10 de outubro de 1900, e a sua primeira partida contra os rivais do Racing Club foi em janeiro de 1901, com uma derrota acachapante por 10 a 0. Apesar do susto na primeira partida, o time seguiu lutando. Na temporada 1912-13, após disputar diversas divisões inferiores, o La Gantoise conseguiria o título da segunda divisão e, automaticamente, o acesso para a disputa da primeira divisão.

Por conta dessa conquista, o clube recebeu da monarquia belga o título de Royale, passando a se chamar Associacion Royale Athlétic La Gantoise (Associação Atlética Real La Gantoise). O ano seguinte seria muito difícil. A Primeira Guerra Mundial causou sérios estragos ao clube, principalmente com o incêndio em seu estádio, que destruiu boa parte das instalações.

Após a guerra, a reconstrução do clube foi bastante penosa, e o primeiro troféu de uma divisão principal seria conquistado apenas em 1964, com a Taça da Bélgica. Em 1971, o nome do time mudou para Koninklijke Atletiek Associatie Gent (Associação Real de Atletismo de Gante). Nos primeiros anos, a novidade não deu sorte à equipe, que foi parar na terceira divisão.

Em 1980, no entanto, o Gent voltaria ao escalão principal e, anos depois, faturaria sua segunda Taça da Bélgica. No final da década de 1980, o clube conseguiu um bom patrocínio e passou a mirar voos mais altos. Acertou sua administração e começou a brigar por títulos, chegando sempre entre os primeiros.

O primeiro título do Campeonato Belga seria conquistado apenas em 2015, em uma vitória histórica, pois o time era terceiro colocado até as últimas rodadas do torneio. Com a conquista, o Gent garantiu sua presença na Uefa Champions League pela primeira vez. Agora sim os búfalos iriam conhecer o restante da Europa!

Ghelamco Arena
Por Gunther Vermeulen - Trabalho próprio, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=28405676

A primeira casa do Gent foi o Jules Ottenstadium, construído em 1920. O estádio ganhou esse nome em homenagem a um dos fundadores do clube, Jules Otten. Com capacidade para pouco mais de 12 mil espectadores, o estádio teve uma inauguração memorável, que contou até com a presença do príncipe Leopoldo III.

O Jules Ottenstadium foi a casa do Gent por 90 anos. Saiu de cena após a construção do novíssimo Ghelamco Arena. Inaugurado em 17 de julho de 2013, o Ghelamco acompanhou as mudanças ocorridas no futebol durante todo esse tempo e foi construído de acordo com as novas normas estabelecidas pela FIFA. Possui capacidade para 20 mil pessoas e costuma lotar nos jogos do Gents.

O apoio da torcida ao time se deve em grande medida aos chamados “Rebels”, grupo que surgiu em uma época complicada para o Gent, quando a equipe somava más atuações e rebaixamentos. Decididos a apoiar o time em qualquer divisão, os “Rebels” conseguiram mobilizar uma parte da torcida que virava as costas ao clube quando o Gent ia mal. A partir de então, a taxa de ocupação dos jogos do búfalo cresceu consideravelmente, junto com o apoio de sua torcida.





© 2018 PLAY ENTRETENIMENTO FUTEBOL CLUBE - Todos os direitos reservados.